Vista cansada: saiba como reconhecer os sintomas e se prevenir

Depois de trabalhar muito tempo diante do computador, os sintomas começam a aparecer:
visão embaçada, dificuldade para enxergar, dores de cabeça, olhos pesados… Não, não se trata de sono.
Estes são sintomas de vista cansada, uma resposta do organismo (e dos olhos) à hábitos nocivos à saúde. Acompanhe a seguir as melhores formas de garantir a sua saúde ocular e evitar a vista cansada.

Faça pausas regulares no uso do computador
Hoje em dia, é muito comum precisar passar o dia de trabalho inteiro diante do computador. Se esta é a sua realidade, é importante desenvolver hábitos que evitem uma exposição tão grande assim. Faça pausas durante o trabalho, nem que seja para tomar um café ou apenas esticar as pernas. Esse hábito vai fazer bem não só para os seus olhos como também para a saúde de todo o corpo.

Controle o brilho das suas telas
Já parou para pensar em todas as telas com as quais entramos em contato diariamente? Há a tela do computador, do smartphone, do tablet… Cada uma delas precisa ter o seu brilho ajustado para um nível saudável, já que nem percebemos o tempo que permanecemos expostos a elas.

Evite ler sem a iluminação adequada
Uma recomendação importante: se for ler, faça isso em um ambiente amplamente iluminado. O mesmo vale para assistir TV no escuro: evite. Procure sempre manter a luz ambiente em um nível saudável quando for se dedicar a essas atividades.

Pisque mais
O piscar lubrifica os olhos e os mantém livres de possíveis problemas oculares. A importância de piscar fica ainda maior quando lidamos com o computador, situação em que o número médio de piscadas cai. Durante as suas pausas, certifique-se de piscar e lubrificar suficientemente os olhos.

Exercite a visão
Quando trabalhamos o dia inteiro diante de uma tela, é importante exercitar a musculatura dos olhos. Isso porque, ao mantermos os olhos focados na tela do computador por períodos longos de tempo, esta musculatura não é estimulada. Assim como é importante o exercício físico para o seu corpo, é importante que os seus olhos se mexam. Tire os olhos da tela e foque-os em outros elementos do ambiente onde você está para que a musculatura se exercite.
Seguindo estas dicas, você estará livre da possibilidade de vista cansada e, principalmente, da possibilidade de surgimento de problemas oculares mais graves. Além de seguir estes passos, é importante ter um acompanhamento médico de um oftalmologista. Quando foi a sua última consulta? Marque uma consulta conosco.

Aprenda a higienizar os seus óculos da forma correta

Para quem necessita de correção ocular, os óculos são acessórios muito importantes do dia a dia. Portanto, na hora de limpar, é essencial realizar uma higienização competente neles, de forma que não comprometa a integridade das lentes. Como você costuma limpar os seus óculos? Aprenda conosco, a seguir, a forma ideal de fazer isso sem prejudicar a vida útil da armação e das lentes:
Sabe aquele hábito de limpar as lentes dos óculos na barra da camisa? Saiba que isto prejudica a vida útil das lentes, já que este não é o tecido ideal para higienizar a superfície delicada das lentes, além de limpeza a seco ser prejudicial. Quando sentir a necessidade de limpar as lentes dos óculos, procure umedecer e aplicar sabão neutro nas lentes. Depois, seque usando um papel macio.
Mesmo para a hora de tirar pequenas impurezas das lentes, é importante tomar cuidado para não danificá-las com o material errado. Caso a sua armação tenha vindo com uma pequena flanela de limpeza, não dispense o seu uso.
Seguindo estes hábitos, as suas lentes vão durar mais e não serão prejudicadas. Como você costuma higienizar os óculos? Conte pra gente!

Conheça os alimentos que ajudam a manter a saúde ocular

Você sabia que a sua alimentação influencia em muito o estado da sua saúde ocular? Além de cuidar bem da saúde dos olhos com visitas regulares ao oftalmologista e tomar os cuidados convencionais, também é importante ter uma alimentação saudável. Aprenda conosco a seguir quais alimentos contribuem para a saúde ocular.

Ovos
Ricos em vitamina E e ômega 3, ovos são fonte de propriedades como luteína e zeaxantina, além de trabalharem contra o desenvolvimento da degeneração macular.

Salmão
Trata-se de um poderoso aliado na prevenção de doenças oculares crônicas, como degeneração macular relacionada à idade e olho seco. É rico em ômega 3.

Brócolis
Contando com luteína, vitamina C, vitamina E, beta-caroteno, zeaxantina e fibras, o brócolis precisa estar no seu prato para a sua saúde ocular ficar sempre em dia. Já pensou em misturá-lo ao macarrão ou ao arroz?

Laranja
Com carotenoides e vitamina A, a laranja possui nutrientes importantes para o funcionamento da vista, assim como a maioria dos alimentos alaranjados.

Abóbora
Quando foi a última vez que você comeu abóbora? Trate de recolocá-la no seu cardápio, pois é um alimento rico em caretenoides e vitamina A, aliados na prevenção da cegueira noturna.

Fique de olho na saúde ocular do seu filho.

É muito importante estar sempre em dia com a sua saúde ocular. E essa necessidade se aplica principalmente às crianças. Independente da idade, é preciso estar atento a qualquer dificuldade delas em enxergar e outros sintomas de algum problema ocular. Dedique uma atenção especial a visitar o oftalmologista com o seu filho.
A visão é responsável por 85% do aprendizado de uma criança. Muitos problemas oculares são confundidos com dificuldade de aprendizado, então é preciso um esforço conjunto com a direção da escola de seu filho para remediar qualquer problema.
Alguns sinais denunciam a dificuldade para enxergar de forma mais fácil. Fique atento a eles quando estiver em contato com o seu filho: dores de cabeça ou mal-estar durante ou depois da leitura, da aula ou da hora do dever de casa, franzir a testa, apertar os olhos para enxergar longe e ler com os livros e os cadernos próximos ao rosto.
Não só a crianças como adultos, também, é recomendada uma visita ao oftalmologista ao ano. Já marcou a sua consulta e a do seu pequeno?

Porque os olhos ficam vermelhos em fotos?

É comum os olhos saírem vermelhos em fotos, principalmente quando tiradas em locais escuros. A mudança de cor acontece pela composição do olho humano. Embora a pupila seja preta, a retina é repleta de vasos sanguíneos que são refletidos quando tiramos fotos com pouca luz.

Pode reparar:
Esse efeito visual não acontece quando estamos em ambientes mais iluminados, já que as pupilas se contraem naturalmente, evitando que a luz chegue até esse ponto do olho.

Para evitar os olhos vermelhos, as máquinas fotográficas modernas possuem um sistema que dispara pequenos flashs antes de bater a foto, para que o olho se acostume com a luz. Caso sua câmera não possua esse sistema, olhe para um lugar relativamente claro antes de tirar a foto ou dispare antes algumas imagens com flash.