Plástica Ocular e Estética

A plástica ocular é uma subespecialidade dentro da oftalmologia, que trata dos problemas que envolvem as pálpebras, sejam eles de ordem patológica ou estética.

Indicações

Para corrigir imperfeições e defeitos de nascimento ou adquiridos nos anexos oculares (pálpebras, cílios, supercílios) , no próprio globo ocular e nas vias lacrimais.

Procedimento

São variados e dependem do quadro do paciente. Inclui o tratamento de blefarite (acúmulo de secreção junto aos cílios), calázio (inflamação palpebral causada pela obstrução sebácea), cílios que nascem virados para dentro do olho, entrópio ou ectrópio (inversão da margem palpebral para fora ou para dentro do olho), além da reconstrução das pálpebras devido a lesões ao redor dos olhos.

Tipos de cirurgias

Blefaroplastia: retira o excesso de pele das pálpebras superior e inferior.

Entrópio: corrige as alterações anatômicas da pálpebra, quando sua extremidade dobra para dentro.

Ectrópio: corrige as alterações anatômicas da pálpebra, quando sua extremidade dobra para fora.

Ptose Palpebral: corrige a queda da pálpebra superior.

Tempo da cirurgia e recuperação

O tempo cirúrgico e o de recuperação dependem do tipo de procedimento realizado. Uma cirurgia de blefaroplastia dura, em média, uma hora. Uma intervenção mais complexa, de reconstrução, pode levar até duas horas.

Todo procedimento cirúrgico está sujeito a todas as adversidades como inflamação, infecção e não obtenção do resultado desejado; havendo, em alguns casos, a necessidade de outros procedimentos para reparação.

Exames pré-operatórios são necessários, sendo todos realizados no próprio Hospital.

plastica-ocular-img

Voltar